Anatomia dos banheiros franceses

Postal expat. Só adianto uma coisa: é beeem diferente do Brasil.

Foto: Camila Marquim

Foto: Camila Marquim

Esse é um daqueles pontos que você acha que não tem relevância, mas é um choque cultural quando você descobre como é um banheiro na França. Claaaro que existem banheiros iguais aos do Brasil, mas não acho que eles sejam a maioria nas casas e apartamentos que eu frequento por aqui.  Eu imagino que a razão é que os prédios costumam ser beeem antigos e reformas custam muito caro por aqui. Deve ser por isso que esses banheiros são completamente diferentes. Eles vem de outras épocas!

O X da questão

Aqui é (ou era) hábito ter 2 compartimentos separados: a casa de águas, numa tradução beem literal, e o vaso sanitário. Sim é comum ter uma portinha apenas com o vaso sanitário e outro cômodo com pia e banheira/chuveiro. Pra complicar ainda mais a cabeça de um brasileiro, quando o apto é bem pequeno na casa de águas pode ficar a máquina de lavar roupas. Não falei que era o cômodo “de água”?!

Ah, quem me dera uma pia…

O engraçado pra quem é brasileiro é que muitas vezes elas – a casa de águas e o vaso – não ficam junto uma da outra. O que te obriga a fazer um tour pra lavar as mãos. No começo eu ficava muito perturbada, hoje já acostumei mais. E tem uma grande vantagem: quem está tomando banho não atrapalha quem está fazendo xixi ou cocô.

- E onde lava a mão depois do xixi ou cocô se a casa de águas está ocupada, Camila?

- Na pia da cozinha ou… não lava! 

Sim, você não leu errado: na pia da cozinha. E tem francês que não lava a mão mesmo! Semana passada eu falei que a vida de expatriada era flores, só que nem sempre…

Você pode gostar...

3 Resultados

  1. Amanda disse:

    Essa vida de expatriada te ensina muitas coisas, INCLUSIVE a não seguir alguns hábitos franceses! hahahahaha.
    Acho que vale um post sobre o assunto polêmico que também tem haver com a casa de água: banho!

  2. Lorie disse:

    Hahahahahahahhahaha! Realmente:P