Ah, a criatividade das expressões francesas…

Postal expat: a língua de Molière tem cada expressão que eu vou te contar…

 

O Francês tem umas coisas que eu adoro! É cada expressão estranha… Tem umas que eu não entendo p… nenhuma, outras eu entendo, mas é que elas são engraçadas quando você pensa na imagem à qual elas remetem. Isso sem contar com as bobagens que eu falo semanalmente!

Quer uns exemplos?

  •  Trocar numero do pé (pointure) por numero de sutiã (poitrine)
  • Falar que a taxa do queijo (fromage) esta alta, ao inves da taxa do desemprego (chômage).

Bem, fora minhas gafes constantes (é, pra morar fora tem de ter uma certa dose de desapego e rir das bobagens que falamos e fazemos), a lingua em si tem umas coisas muito doidas. Vamos à elas!

Categoria: o quê?! Não entendo!

Tá fazendo um frio de pato = tá muito frio.

Nós vamos com a rola e a faca! = nós vamos com tudo, com todas as armas que temos, inclusive com a rola (e a faca).

Funciona como o fogo de Deus! = funciona muito bem

Ela me colocou um coelho = dar o bolo em alguém

Você é um couve! = significa que a pessoa é fofa. (Não me conformo com essa expressão)

 

Categoria: engraçado

Fulano tem culhões de ouro! = fulano é rico

Estar com a moral nas meias = estar realmente desanimado

Vá tomar conta das suas cebolas = cuide da sua vida

Isso é ‘vacamente’ interessanter = pois é, vacas podem ser adjetivos em francês!

 

Um obrigada todo especial à Claire, Solène e Katia, minhas amigas francesas que sempre me ensinaram pacientemente (não sem antes dar muitas risadas dos meus erros e caras de ‘o que é isso?‘) a entender essa língua.

Você pode gostar...

6 Resultados

  1. IA disse:

    Nossa que resenha! kkkkkkkkkkk`

  2. Sandra Marquim disse:

    Tem que levar na esportiva !!!