Sobre o Cozido, os sabores da nossa terra e a melhor cozinha do mundo

Você pode gostar...

2 Resultados

  1. Muito interessante a sua teoria! Creio que não podemos eleger “a melhor cozinha”, ainda mais quando tanto tem a ver com emoções e sentimentos, como você disse. Porém não acho simplesmente que a melhor é aquela com a qual nos habituamos. Nesse caso sentimos mais saudades do que “representava” aquela comida, aquele momento, do que da comida em si. Na minha primeira vez de férias no Brasil fiz até uma lista de tudo o que eu queria comer e a minha familia fez tudo, e foi maravilhoso! Mas nas vezes seguintes, eles me pediam a lista e eu jah não tinha mais nada para colocar. Comecei a achar tudo ou muito salgado, ou muito doce, ou muito gorduroso… Hoje quando vou visita-los prefiro comer a comida basica de todos os dias, bem simples, pelo gostinho da comida da minha mãe, mas não a comida em si.
    E aos poucos fui me acostumando com outros sabores… Comer churrasco com uma mostarda de Dijon, não gosto mais de cozinhar ou comer com oleo de soja, prefiro fazer bolos com manteiga de verdade do que com oleo vegetal, e por ai vai… E qual seria a minha cozinha preferida? Atualmente seria a tailandesa (que comecei a comer aos 30 anos!) ou a japonesa que conheci bem tarde… Mas adoro a comida francesa, fico louca diante de um prato nepalês e atravesso a cidade para comer no meu restaurante africano preferido!

    • camila disse:

      Milena,

      Você acaba de arruinar minha tese porque você descreveu tuuudo que aconteceu comigo e eu não levei em conta na hora de escrever o post. Tava tão lindo, Milena. Poxa… Não quero mais brincar com você! Brincadeirinha.

      Você tem razão! Mas o contexto era eu looouca de vontade de comer um cozido aí me deixie levar pelo lado emocional que a comida tem, a representação daquilo, como você tão bem colocou, e nem lembrei que eu cheguei no Brasil louca por brigadeiro e não aguentei terminar o primeiro de tão doce que achei. Kakakakakakak

      Mas veja que nem tudo está perdido na minha bela teoria, você mesma falou que foi “se acostumando com outros sabores”. Então, concordamos que comida não tem a ver com estrelas de uma guia ou a opinião de um grupo de pessoas. Comida tem a ver com se habituar à novos sabores.

      Obrigada pelo insight! 😉
      Beijo!

Fala aí

%d blogueiros gostam disto: